3 de novembro de 2016

RESENHA | O Medo Mais Profundo — Harlan Coben

Título: O Medo Mais Profundo (Myron Bolitar #7)
Título Original: The Darkest Fear
Autor: Harlan Coben
Editora: Arqueiro
Páginas: 272
Lançamento: 2016
Onde comprar: Buscapé

Sinopse:

Na época da faculdade, Myron Bolitar teve seu primeiro relacionamento sério, que terminou de forma dolorosa quando a namorada o trocou por seu maior adversário no basquete. Por isso, a última pessoa no mundo que Myron deseja rever é Emily Downing.

Assim, ele tem uma grande surpresa quando, anos depois, ela aparece suplicando ajuda. Seu filho de 13 anos, Jeremy, está morrendo e precisa de um transplante de medula óssea – de um doador que sumiu sem deixar vestígios. E a revelação seguinte é ainda mais impactante: Myron é o pai do garoto.

Aturdido com a notícia, Myron dá início a uma busca pelo doador. Encontrá-lo, contudo, significa desvendar um mistério sombrio que envolve uma família inescrupulosa, uma série de sequestros e um jornalista em desgraça.

Nesse jogo de verdades dolorosas, Myron terá que descobrir uma forma de não perder o filho com quem sequer teve a chance de conviver.
“Um livro esplêndido. Como sempre, no centro do romance está a falível mas infinitamente atraente figura de Myron Bolitar – um Dom Quixote pronto para lidar com os problemas do mundo.” – Publishers Weekly
Opinião:

O que você faria se uma ex-namorada lhe procurasse e dissesse que você tem um filho adolescente, que ele tem uma grave doença e precisa de um doador de medula, e que você como detetive precisa ir atrás desta pessoa? Pois é, este é o dilema que Myron Bolitar vive em mais um livro da sua série, escrito por Harlan Coben.

Lançado em 2000 nos Estados Unidos, o livro chegou ao Brasil somente este ano, e é o 7º livro na sequência original, os outros 3 livros que dão continuação à série já foram lançados por aqui antes, o que atrapalha completamente o andamento, existem diversas partes no livro em que se pode notar a falta de cronologia, como por exemplo a busca de Myron por Lamar, seu principal atleta, ou então a má fase da MB Representações esportivas, ou até mesmo a ideia de Myron de não ser detetive e até mesmo a pessoa com quem ele vem tendo um caso no momento.

Não sei o real motivo da demora no lançamento, mas provavelmente tenha sido por questões de direitos sobre este livro. Todos os demais livros da série foram lançados pela editora Arqueiro, exceto o livro 8, com o título de "A Promessa" que foi lançado pela ARX. Imagino que ela tenha comprado os direitos sobre os dois livros e não tenha conseguido lançar este, lançado agora, atrasado, pela editora Arqueiro novamente.

Tirando isso, outra coisa que me incomoda muito nos livros da série Bolitar, é a necessidade de repetições da historia do personagem principal, em todos os livros o autor se sente obrigado a contextualizar o leitor, o que é importante caso seja o primeiro livro da série que você lê, mas que se torna cansativo e desnecessário para quem já lê a série há anos como é meu caso. Myron Bolitar já é bastante conhecido para ter a necessidade de seus problemas serem contados novamente a cada livro.

Agora, vamos as coisas boas, gosto muito da maneira que o Coben escreve, ele é fluido, o livro fica com uma leitura leve, os diálogos intercalados com as descrições da cena tornam o livro algo relaxante, você lê 100 páginas rapidamente, até mesmo o leitor mais lento do mundo conseguiria acabar o livro em 3 ou 4 dias, levaria no máximo 1 semana para lê-lo.

Coben tem também a destreza de colocar “subtramas” ligadas diretamente a trama principal, não é apenas o doador que ele estará procurando, existem diversas questões a serem tratadas e pensadas no livro. A pequena quantidade de páginas dele deixa tudo ainda mais interessante pois Harlan não foge em nenhum momento dos mistérios do livro, a andamento que ele dá à trama faz com que os dramas sejam revelados na hora certa sem explorar coisas desnecessárias.

Bom, esta é mais uma história de um dos detetives mais famosos da atualidade, sem muita mídia ou inteligência para ser um Sherlock, mas agradável e leve para fazer de seu autor um dos mais elogiados do gênero policial. O livro recebe

4 comentários:

  1. Nunca li nenhum livro do Harlan Coben, sempre vejo só comentários bons de seus livros!! A estória aqui parece fazer com que não paremos de ler página após página!! Uma trama intrigante e cheia de mistérios em que Myron vai tentar encontrar o doador de medula óssea para Jeremy, que simplesmente desapareceu, e tentar recuperar o tempo perdido em que ficou longe de seu filho!! Já quero ler!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, os livros dele sempre tem um enredo bom e fluido, o que faz a leitura ser prazeroso.

      De uma olhada na Wikipédia para ver a ordem certa da série, já que os lançamentos no Brasil não respeitam ela, como dito acima.

      Excluir
  2. eu li esse livro recentemente e amei! amo a maneira que o Coben cria personagens e dá uma história pra eles. o fato d'os personagens coadjuvantes serem tão bem explorados tbm me faz acrescentar algumas estrelinhas. o meu personagem favorito foi, sem sombra de dúvidas, o filho da Emily (achei incrível como o Coben o construiu e a forma que ele tem participação na história, mesmo que não esteja presente em todo o livro). e, ah, amei o desfecho da história como um todo. :)

    também resenhei esse livro, pode dar uma olhada? clique aqui pra assistir! <3

    abraços! <3
    Alex, do blog Um Bookaholic.
    umbookaholic.com | Canal | @umbookaholic: instagram/twitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, que bom que gostou.

      Vou olhar sim.

      Excluir